Gestão Socioambiental

 

GESTÃO SOCIAMBIENTAL, E QUAL SUA IMPORTÂNCIA?

A Usina fotovoltaica Castilho tem como objetivos fomentar o desenvolvimento de parcerias, o fortalecimento de vínculos e a geração de benefícios mútuos, oportunizando o respeito aos direitos sociais, ambientais, territoriais e culturais das comunidades e populações locais , gerando resultados positivos em temas socioambientais relevantes para o nosso negócio e para a sociedade.

Com isso o empreendimento UFV Castilho, está condicionado a reduzir os impactos socioambientais.  E traçou um plano de ação com estratégias mitigatórias afim de contribuir para seu próprio  amadurecimento, incentivando ainda, as demais empresas a aplicarem essas práticas e buscarem a conscientização da população local.

Para o cumprimento das medidas socioambientais estabelecidas na legislação brasileira, a VB Ambiental foi contratada pelo empreendedor para implantação e acompanhamento das estratégias de interface com a comunidade, compensação e mitigação dos impactos. Para tal, são implantados e acompanhados diversos subprogramas constantes no Plano de Gestão da Qualidade Ambiental (PGQA) da UFV Castilho, visando o resguardo da Licença de Instalação (LI) e alcance da Licença de Operação (LO), junto ao órgão ambiental.

 

Programa Controle Ambiental de Obra

Esse programa tem por objetivo apresentar as diretrizes e medidas a serem empregadas durante a fase de implantação do empreendimento de forma a mitigar e controlar potenciais impactos ambientais decorrentes da implantação, visando garantir a qualidade ambiental e de vida, bem como as condições adequadas aos colaboradores.

Programa de Supressão Vegetal

As florestas nativas e as demais formas de vegetação natural são consideradas bens de interesse comum, dessa forma, precisam ser protegidas e preservadas. Por isso, qualquer iniciativa que envolva a supressão de vegetação está sujeita a legislações ambientais específicas.

Todo o processo de supressão de vegetação realizado na UFV Castilho segue as diretrizes de preservação e cuidado ao meio ambiente, objetivando uma atuação sustentável, com o menor impacto ambiental possível.

Programa de Compensação Ambiental pela Supressão de Vegetação

Seguindo a legislação ambiental aplicável, para que seja autorizada a supressão da vegetação, o empreendimento deve se comprometer com medidas de Compensação Ambiental. Dessa forma, visando minimizar os impactos causados pelo processo de implantação do empreendimento, teremos uma área de compensação com aproximadamente 12 hectares, onde serão plantadas diversas espécimes nativas da região.

 

Programa de Educação Ambiental

A educação ambiental é a ação educativa permanente pela qual a comunidade  tem a tomada de consciência de sua realidade global.  Ela desenvolve, mediante boas práticas, valores e atitudes que promovem um comportamento dirigido a transformação superadora da realidade, tanto em seus aspectos ambientais como sociais, desenvolvendo habilidades e atitudes necessárias para tal transformação.

Na implantação da Usina fotovoltaica de Castilho adotaremos de forma participativa a integração do empreendimento com parcerias (secretarias de saúde, educação, meio ambiente, bem como comunidade, colonos e os colaboradores). Com ações educacionais como palestras, concursos, rodas de bate papo e divulgações de informações sobre a UFV Castilho – buscando o envolvimento de todos nossos Stakeholders de forma direta e indiretamente.

         

Programa de Comunicação Social

Este programa tem por objetivo geral difundir e monitorar as informações sobre o empreendimento, com transparência, constância e compromisso, eliminando informações contraditórias e eventuais distorções de notícias que possam gerar expectativas entre os diversos segmentos públicos e/ou privados envolvidos.

Podendo assim delinear estratégias para minimizar conflitos e gerar uma gestão participativa do empreendimento aos colaboradores, colonos e todas comunidade envolvida.

 

Programa de Gerenciamento de Resíduos Sólidos e Efluentes Líquidos

Com o objetivo de minimizar os impactos que poderão ser provocados por meio das intervenções da obra, relacionados com as atividades de implantação, o programa busca, uma redução ou tratamento dos resíduos sólidos e líquidos finais gerados no decorrer da obra, além de garantir a forma correta de armazenamento e destinação final.

Buscando minimizar os impactos, a UFV Castilho está doando todos os seus resíduos recicláveis, tais quais: papelão, plástico e paletes de madeira para cooperativa de materiais recicláveis do município de Castilho, além de realizar o descarte adequado de seus efluentes líquidos, os direcionando para uma estação de tratamento e esgoto.

 

Programa de Controle de Erosão e Assoreamento

A erosão é, naturalmente, o principal processo modelador das formas de relevo e fator contribuinte na formação dos solos agrícolas. A ação de desgaste da superfície consiste basicamente das fases de desagregação, transporte de material e deposição de partículas sólidas causadas por agentes erosivos externos, como água, vento e gravidade.

Com isso, cautelosamente buscamos identificar cenários dentro do empreendimento que apresentem riscos, e de forma preventiva são realizadas adequações físicas que contribuam para redução do processo erosivo.

 

Programa de Afugentamento, Captura, Resgate e Translocação de Fauna 

Diante dos impactos causados pelo processo de instalação do empreendimento, com o programa de afugentamento buscamos minimizar os efeitos das atividades frente à fauna. Buscamos fornecer nova morada aos animais que de forma direta ou indireta possam sofrer com a remoção da vegetação existente dentro da área da UFV Castilho

Para tal, realizamos as seguintes atividades:

  • Captura e soltura de animais encontrados em área de intervenção;
  • Monitoramento da fauna;
  • Manejo adequado para área de translocação;
  • Afugentamento dos animais, os direcionando para outras áreas.

Programa de Monitoramento de Fauna e Bioindicadores

O Monitoramento de Fauna e Bioindicadores objetiva verificar a permanência das espécies registradas durante a implantação. Possibilitando, inclusive, o aumento do número de espécies localmente, visto que a região ainda se apresenta como mantenedora de diversidade.

 

Programa de Monitoramento da Vegetação

O programa objetiva o monitoramento de toda e qualquer vegetação presente no empreendimento, tais quais: as Áreas de Preservação Permanente (APP), Reservas Legais (RL), Fragmentos Florestais, Árvores Isoladas, e as Áreas de Compensação. O monitoramento é realizado por equipe especializada, responsável ainda pela capacitação e orientação de toda a equipe da obra.